Ultimas

AO VIVO

terça-feira, 9 de março de 2021

Rio Preto tem só 4 vagas de UTI e cidades da região filas para internar


 A Secretaria de Saúde de Rio Preto confirmou nesta segunda-feira (8) que o município chegou a 99% de ocupação nos leitos de UTI e 79% na enfermaria para atendimento da Covid-19. A cidade dispõe de 362 leitos de UTI e 361 leitos de enfermaria, somando as redes SUS e privada. Considerando isso, Rio Preto conta com apenas quatro leitos de UTI e 76 de enfermaria livres.

Na semana passada, Rio Preto abriu 20 dos 50 leitos anunciados pelo Prefeito Edinho Araújo na UPA Santo Antônio, sendo que eles foram totalmente ocupados em uma noite. A Saúde tem enfrentado dificuldades para conseguir equipamentos e contratar profissionais para a abertura dos demais leitos.

“Nós já abrirmos 118 novos leitos dentro da própria estrutura, mas chegamos no limite. Não temos recursos humanos e equipamentos, chegamos no limite máximo de abertura”, comentou o secretário de saúde Aldenis Borim na última live.

Segundo o Seade, a ocupação de leitos de UTI na região de Rio Preto está em 88,1%. Com o Hospital de Base tendo atingido sua capacidade máxima no último domingo (7), municípios menores da região tem enfrentado dificuldades com filas de espera para internação e pacientes sendo transferidos para outras regiões do Estado.

Em Nova Granada, três pacientes morreram na semana passada aguardando uma vaga de UTI. “A gente tem a nossa urgência respiratória, onde o paciente fica até liberar uma vaga no hospital, mas a capacidade é pequena. Estamos tentando abrir uma nova ala com os próprios recursos e com ajuda de alguns empresários”, afirmou a secretaria de saúde do município, Quezia Correa da Cunha.

Em Guapiaçu, pacientes tiveram que ser transferidos para Santa Fé do Sul na semana passada. “A realidade é a mesma da região, estamos com aumento de casos, sendo que 21 foram confirmados nos últimos dois dias. Atualmente estamos com três pacientes aguardando vagas pelo sistema Cross de enfermaria e temos apenas dois respiradores”, comentou Bruno Henrique Ribeiro, diretor do departamento de saúde.

Segundo a coordenadora da vigilância epidemiológica de Tanabi, Adriana Gasques, o município já enviou pacientes para Jales e Votuporanga. “Nós temos a Santa Casa no município, mas ela dispõe apenas de leitos de enfermaria. Quando precisa de UTI, solicitamos o HB ou qualquer outra DRS com vagas, seja em Barretos ou Araçatuba”, afirmou.

Por nota, o Departamento de Saúde de Mirassol informou que está no aguardo da liberação de mais leitos por parte do Estado. Enquanto isso, os pacientes ficam internados na UPA, aguardando vagas no hospital que liberar primeiro. Atualmente, a UPA conta com seis leitos, sendo quatro para intubação. Três pacientes estão internados, sendo dois no cateter e um intubado.

Por:(Dhoje Interior)

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Acontece em Foco
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates