Ultimas

AO VIVO

quinta-feira, 25 de março de 2021

Alguns supermercados de Rio Preto (SP) decidem interromper atendimento durante lockdown


Pelo menos 15 supermercados de São José do Rio Preto (SP) decidiram interromper as atividades durante o decreto de lockdown na cidade que vai até o dia 31/03. Isso porque, segundo eles, o atendimento via delivery, drive ou take-away (retirada no local) é inviável.

No decreto assinado pelo prefeito, Edinho Araújo (MDB), os supermercados deveriam ficar completamente fechados do dia 16 ao dia 21/03. Contudo, nesse intervalo de tempo, a Associação Paulista de Supermercados (APAS), entrou com uma liminar na justiça pedindo a abertura destes estabelecimentos, que foi concedida. A Prefeitura então recorreu e os supermercados tiveram que voltar a fechar.

Desde a última segunda-feira (22/03), estes comércios podem atender via delivery, drive ou take-away (retirada no local). Porém, segundo os proprietários, eles foram pegos de surpresa e estas modalidades são inviáveis para atender toda a população diante da demanda. Com isso, muitos moradores de Rio Preto estão indo à cidades vizinhas como Potirendaba e Mirassol, para efetuar suas compras.

Na manhã desta quinta-feira (25/03), nossa equipe esteve em uma rede de supermercados de Rio Preto e foi informada de que apenas comerciantes poderiam fazer suas compras no local. Um colaborador afirmou que o cliente traz uma lista de compras, deixa na porta, recebe uma senha e quando a compra estiver pronta, o supermercado entra em contato para que o cliente retorne e retire a mercadoria.

Enquanto os grandes esnobam os clientes, um mini-mercado que fica no bairro Santo Antonio está atendendo seus clientes normalmente na modalidade drive e take-away (retirada no local). O proprietário, Diogo De Maman, afirma que precisou contratar mais um funcionário até o fim do decreto.

“Ficou mais cansativo porque agora nós temos que fazer compras para todos os clientes. Para conseguir atender bem o cliente, nós tivemos que contratar uma pessoa até o final do decreto”, explica Diogo que descartou a modalidade delivery. “É muita correria para a minha logística e eu precisaria ter mais uns dois funcionários e o custo se tornaria inviável”, diz.

No último fim de semana, os supermercados de Cedral também interromperam as atividades após o prefeito da cidade proibir o atendimento presencial. Os comércios estavam permitidos a trabalhar apenas com delivery, onde o prefeito, na última segunda-feira (22/03), precisou editar um novo decreto e permitir que estes estabelecimentos atendessem também na modalidade drive e take-away (retirada no local).

Durante coletiva direto do Palácio dos Bandeirantes ontem, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), se manifestou contrário ao fechamento dos supermercados. Ele disse que estes estabelecimentos são pontos de abastecimentos fundamental para a população e precisam permanecer abertos.

Em nota a Prefeitura de Rio Preto informou que o decreto continua vigente até o dia 31/03 e que as medidas devem ser cumpridas.

Por:(Gazeta Interior)

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Acontece em Foco
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates